Briga por causa de crença?
5 (100%) 16 votes

Briga por causa de crença?

Briga por causa de crença? Dois reinos e uma escolha

Briga entre Judeus e Samaritanos?

Dois reinos e uma escolha.

Briga entre Judeus e Samaritanos?

Briga por causa de crença? Por quê? Disse-lhe, pois, a mulher samaritana: Como, sendo tu judeu, me pedes de beber a mim, que sou mulher samaritana?

(Porque os judeus não se comunicam com os samaritanos). (JOÃO 4.9)

  Briga por causa de crença?/ RESUMO

Apresentação

A elaboração deste estudo tem a finalidade de esclarecer e, sanar a duvida da divisão de Israel e Samaria. No novo testamento segundo o Drº Lucas no Evangelho de Jesus, está escrito:

Briga por causa de crença?

“que João e Tiago entraram na aldeia dos Samaritanos e
além disso não foram bem recepcionados” (LUCAS, 9.53).

Segundo o Apostolo João Jesus conversou com a Samaritana. 

Geografia Bíblica

   Jesus estava na Judéia passou, voltou a Galileia e foi necessário ir na Samaria, Reino Norte (Reino de Israel – capital Samaria).

Chegou na cidade de Sicar em Samaria.

O encontro de Cristo com a Samaritana

  Disse- lhe, pois, a mulher samaritana: Como, sendo tu judeu, me pedes de beber a mim, que sou mulher samaritana?

(Porque os judeus não se comunicam com os samaritanos).

  (JOÃO 4.9) “Porque os judeus não se comunicam com os samaritanos” (MULHER SAMARITANA).

A partir desta expressão dará início do estudo.

    Briga por causa de crença?/INTRODUÇÃO

Motivo da Briga

Briga por causa de crença?


Portanto, qual é o motivo da Samaria ser separada de Israel?

 Samaria capital de Israel – Jerusalém capital de Judá.

Israel é uma palavra hebraica (“Deus Governa” ou “Deus combate”) usada para várias realidades:

 1. Um monumento do Egito de 1000 anos antes de Cristo fala do “povo de Israel” como de um povo nômade, que morava na região da palestina.

 2. Foi o nome que Deus dá a Jacó depois da luta que ele travou com o anjo do Senhor (Gênesis 32.

 3. O reino de Israel: uma parte do território da Terra Prometida, cuja capital foi Samaria.

 4. O país atual de Israel, que nasceu em 1948 por uma decisão da ONU de 1947.

     DESENVOLVIMENTO

     Um pouco de história


Certamente quando Salomão morreu, o reino que até então era unido, foi dividido em dois: Sul (Reino de Judá – capital Jerusalém) e Norte (Reino de Israel – capital Samaria).

     A volta à união desses dois reinos foi um sonho perseguido pelos profetas durante alguns séculos, mas se tornou impossível por causa das conquistas dos reis estrangeiros.

    O reino de Israel segundo a história (Reino do Norte cuja capital era Samaria) foi conquistado pelos Assírios e perdeu autonomia no ano 722.

    O reino de Judá (Reino do Sul cuja capital era Jerusalém), sua existência ainda por quase 200 anos, até ser ele também conquistado pela Babilônia.

  Quando os habitantes do reino de Israel (capital Samaria) foram conquistados, os ocupantes assírios colocaram na Região o culto dos seus deuses.

Sincretismo Religioso

   E muitos moradores hebreus daquela área sofreram um sincretismo religioso.

   Sincretismo é a reunião de doutrinas diferentes, com a manutenção de traços perceptíveis das doutrinas originais.


 Por exemplo: possui por vezes, um certo sentido pejorativo na questão da artificialidade da reunião de doutrinas teoricamente incongruentes entre si.

Frequentemente, quando se fala em sincretismo, se pensa no sincretismo entre diferentes religiões, no chamado sincretismo religioso.

    Do ponto de vista dos hebreus do Reino de Judá (Jerusalém), esses hebreus da Samaria se contaminaram e não eram dignos de estarem juntos.

Passou a existir então dois templos, um na Samaria e outro em Jerusalém e até na época de Cristo houve contraste entre eles:

  
Enquanto isso os samaritanos não aceitavam a religião praticada em Jerusalém e os de Jerusalém não acolhiam os samaritanos.

  Jesus e os samaritanos Os samaritanos nos evangelhos são apresentados como um povo excluído.

  Mas Jesus procura dar dignidade a eles. Exemplo, na parábola do bom samaritano, que é colocado em contraste com o sacerdote de Jerusalém.

 Muito importante é também a conversa de Jesus com a Samaritana no poço (João 4).

A samaritana diz a Jesus: Nossos pais adoraram nesta montanha, mas vós dizeis: é em Jerusalém que está o lugar onde é preciso adorar.

Jesus lhe disse:

“Crê, mulher, vê a hora em que nem nesta montanha nem em Jerusalém adorareis o Pai […] os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e verdade”.

     Briga/RESENHA

Briga entre irmãos é ruim ao olhos do Senhor.

Briga por causa de crença.

Portanto, tenhamos a consciência em não agirmos segundo a vontade da carne e, evitar a divisão em nosso meio.

Depois disso, “Briga”, os samaritanos e Judeus perderam um tempo importantíssimo se, dividindo por causa da religião.

Jesus Cristo mostra que não é relevante essa ação entre os homens e mulheres.

Jesus não mostrou a religião, em outras palavras , sim, revelou o Pai a uma pecadora que estava com a vida atolada de problemas sérios e eram problemas relacionados com a vida amorosa.

Jesus não olhou a cor, a divisão que aconteceu no passado, e não agiu como os demais Judeus que viviam presos aos pensamentos antigos.

Mas, como o estudo é saber o motivo da divisão de Samaria e Israel, foi oportuno aprender sobre a divisão de acordo com a bíblia.

Portanto, consequentemente a história dos antigos registrados nos livros dos reinos: Israel e Judá.

      REFERÊNCIAS

https://www.oradorwellingtonalves.com.br/wp-content/uploads/2018/09/1102016087_univ_lsr_xl1.jpg

https://pt.wikipedia.org/wiki/Sincretismo acessado 2018

Bíblia Dake, ed.1995, Atualizada e Corrida. P.1692; 44-45; 1648. Briga por causa de crença?

copyright  ©  2014-2018  –  Pastor Wellington Alves  –  todos os direitos reservados